26 janeiro 2016

Resenha: Confissões de Inverno - Brendan Kiely


Editora: Arqueiro
Autor(a): Brendan Kiely
Título Original: The gospel of winter
Páginas: 224
Skoob  / Comprar


À medida que sua família se desintegra, Aidan Donovan, um adolescente de 16 anos, procura consolo em estimulantes químicos, no estoque de bebidas do pai e nas atenções do padre Greg, o único adulto que realmente o escuta.O Natal chega e seu mundo entra em colapso quando ele reconhece o lado obscuro do afeto que o padre Greg lhe dedica. Enquanto tenta dar sentido à própria vida, Aidan conta com o apoio de um grupo de amigos desajustados: Josie, a garota por quem se apaixona; a rebelde e espontânea Sophie; e Mark, o carismático capitão da equipe de natação.Confissões de inverno mostra as formas pelas quais o amor pode ser usado como uma arma contra a inocência – mas também pode, nas mãos certas, restaurar a esperança e até a fé.O corajoso romance de estreia de Brendan Kiely expõe o mal que os segredos mais profundos que guardamos podem causar e prova que a verdade liberta e abre caminho para o amor.


Talvez os anos de leitura acumulado tenha me tornado um tanto crítica, talvez consiga ver as ideias por trás dos autores e suas obras e não veja a execução da forma que esperava ou que previa.Coração de Inverno foi um daqueles livros que ao ler a sinopse esperava algo, e ao ler tudo se transformou, não sei se exatamente para melhor.



O livro é narrado em primeira pessoa por Aidan Donovan, com uma família destruída por um pai que sumiu e uma mãe que se preocupa mais com festas do que com ser mãe, o único amigo que ele tem é o padra Greg, da paroquia local, e ele o traí de uma forma inexplicável fazendo com que ele compreenda a real natureza da relação deles.

O livro é muito, muito confuso. A narração se arrasta enquanto você tenta compreender tudo que ocorreu. Aidan é confuso, e não consegui perceber se a narrativa do autor é confusa ou se foi a ideia que ele quis passar de Aidan. Um adolescente que não tem uma boa base familiar e que numa fase de descobertas.


"Às vezes queremos dizer a nós mesmos.Veja que felicidade.Graças a Deus isso não aconteceu conosco, comigo.Podemos ignorar as bombas e a violência do outro lado do oceano,mas apenas até que os prédios comecem a desmoronar no nosso próprio país."

Através dessa descoberta você percebe aquele eterno clichê de adolescente nada popular e estranho, que constrói amizades estranhas e escolhe caminhos errados. O autor mostra os conflitos internos que e se passa quando Aidan percebe o que é o amor e o que amar e como o amor pode ser arma para manipulação.


Quando estamos nas últimas páginas, percebemos que Brendan Kiely tinha outro proposito em seu livro, tratar de um assunto que foi extremamente polêmico e que é polêmico até hoje, e sinto em dizer que não foi feliz. A forma que ele aborda é tão mascarada e de uma forma não leviana, mas superficial, eclipsada. 


"Nem sempre precisamos das pessoas que pensamos precisar."
Confissões de Inverno não foi nem de longe um livro que me despertou emoções e sentimentos. Tinha tudo para ser um livro tocante e até muito reflexivo, com uma crítica ousada e inovadora, mas a maneira em que o livro se torna confuso e com todas as reflexões e críticas escondidas, faz com que o livro seja apenas chato e cansativo.

6 comentários:

  1. Toda vez que leio o título do seu blog lembro do Edgar Alan Poe, no conto "O Corvo, dizendo NEVERMORE, NEVERMORE... Sei que Nada mais e nunca mais são diferentes, mas lembro hahahahaha

    Eu não fui com a cara desse livro desde a primeira vez que o vi, agora vendo sua nota, acho que passarei ele pra frente hehehehe

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É engraçada a mente da gente, né, Camila?
      Eu espera outra coisa dele, foi decepção total!
      Beijos,
      Obrigada!

      Excluir
  2. Bom, do jeito que você falou, passarei looooonge desse livro! Já imagino o tema "polêmico" que o autor quis abordar, pelo que você disse, e pela sinopse, além da sua opinião, não me interessei muito...
    Beeeijo ♥
    <a href="http://www.daniquedisse.com.br> Dani Que Disse</a>

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse tema é difícil mesmo, Danielle!
      Beijos e obrigada!
      Ana.

      Excluir
  3. Oi, Ana, tudo bem?
    Poxa, que pena que o livro não te envolveu e não te agradou muito. Era um dos meus desejados desde que foi anunciado pela editora, mas depois de sua resenha estou seriamente repensando em lê-lo ou não. Eu realmente estava imaginando algo do enredo que, pela sua resenha, parece ser totalmente diferente, então fiquei meio receosa agora. Talvez confira outras opiniões à respeito, mas, bem, nem sempre os livros são o que nós esperamos, não é mesmo? Faz parte.
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Sâmella! Alguns livros super nos decepcionam!
      Beijos e obrigada por comentar!
      Ana.

      Excluir

Obrigada por lerem! Comentem e deixem seus blogs, vou visitar com toda certeza, e voltem sempre.

Design e Ilustrações por Ilustranos ♥ Desenvolvimento por Moonly Design