13 agosto 2014

Resenha: Estranha Perfeição - Abbi Glines



Editora: Arqueiro 
Autor(a): Abbi Glines
Título Original: Twisted perfection
Páginas: 204
Série: Perfeição - Livro 1
Skoob  / Comprar



Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada.Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem.Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição. Se você é fã da série Sem Limites, vai adorar este delicioso romance ambientado no mesmo universo sedutor criado por Abbi Glines. 



Esse livro é um dos livros da série “ Rosemary Beach” como havia dito na resenha de “ Tentação Sem Limites”. Ele traz como foco o personagem do Woods, que conhecemos na série “Sem Limites”, e este é um personagem que criei uma empatia de primeira. Ele ajuda muito a Blaire, protagonista da série, e seu comportamento em relação a ela é fofo. Embora esse seja um personagem que goste, não sei se posso dizer o mesmo do livro.

O livro traz a vida do Woods, que é o único filho de uma família rica e influente, seu pai tem planos para ele e um desses planos é que ele se case com uma mulher que não ama embora sinta atração. Um dia, ele conhece Della, uma garota bonita, atraente e que ele poderia se divertir.O que ele não esperava era que o casual se tornasse um algo a mais à medida que ela não sai de sua cabeça e o destino os une.


“Que tipo de homem deixa que controlem a sua vida, seu futuro?”

O livro é tão fino que dizer muitas coisas é integrar a estória. Eu gostei do livro, mas tenho como sempre ressalvas. Esse foi um livro que tinha muita expectativa em função do Woods, ele é um personagem que me apeguei muito e eu queria conhece-lo mais e mais, porém, o Woods não foi o Woods. Como assim, Ana? Canso de dizer que o Rush é bad boy, certo? O Woods, na outra série, era o oposto. Fofo, carinhoso e apaixonante, mas nesse livro, eu achei o Woods muito Rush.

A autora dá a impressão que não sabe criar personalidades diferentes para os seus personagens à medida que ela não mantem a característica principal do Woods. Além disso, o livro tem umas incoerências que não posso citar sem dar spoilers. Isso me incomodou, muito.Além disso, a forma como alguns conflitos são resolvidos de maneira tão simples, me afeta.


“Às vezes, nossas imperfeições são o que nos tornam especiais.”

A Della não é tão irritante quanto a Blaire, e gostei particularmente da personalidade dela. Forte, frágil, especial e comum, ela é um misto de tantas coisas que foi inevitável não gostar dela. A autora buscou dar a Della um tom mais profundo na estória com um passado sombrio, e esse passado só nos é revelado no últimos instantes.

No geral o livro me agradou, a fluidez foi ideal e continuarei lendo os livros da autora. Adorei essa capa, e a Arqueiro merece minhas considerações pela sua tradução e revisão. Além disso, o livro é um excelente passatempo.

Não devemos esperar de Estranha Perfeição mais do que ele oferece, um passatempo.


 “Na minha busca por encontrar a mim mesma, eu havia encontrado muito mais.Eu agora sabia por que queria viver.Eu compreendia o amor.Eu o havia encontrado.”

17 comentários:

  1. Não gostei disso da autora não saber definir muito bem a personalidade do Woods, já vi essa reclamação em outras resenhas.
    Não vou ler essa série, achei que tem muitos pontos negativos e não curto o gênero.
    Bjs, Ana <3

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana, eu gostei bem mais da Blaire, achei as características da Della meio conflitantes entre si. Mas gostei da estoria em geral.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  3. Até agora eu só li Paixão Sem Limites, mas odiei a Blaire e por isso nem li o próximo. Mas estava bem ansiosa pra ler esse livro por ser com o Woods, mas só de saber que ele está muito diferente nesse livro, já me desanimou. Ainda não sei se darei uma chance pra ele...
    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Oiee Ana!
    Estava mesmo querendo ler esse livro mas vou iniciar primeiro a leitura de Paixão sem Limites já que o terceiro livro deve ser lançado logo,e mesmo ainda não conhecendo perfeitamente o personagem Woods eu também esperava mais dele e logo de inicio não gostei muito de Della mas agora passei a ir mais com a cara da protagonista.Pretendo ler em breve mas não vou com tantas expectativas em cima da história,quem sabe no segundo livro o enredo não seja mais aprofundado.
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Tenho lido muitas resenhas positivas em relação aos livros da Abbi Glines e, a cada uma delas, minha vontade de ler só aumenta. Em relação às personagens, também não gosto quando rolam essas mudanças de personalidades nas personagens. Amadurecimento, eu até entendo, mas colocar características de uma personagem que deu certo em um livro, em outra pra ganhar mais admiradores, para mim não rola.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nardonio!
      Você disse tudo, a autora tentou dar ao Woods uma característica que não é dele e assim fica feio e complicado tudo!
      E os livros dela são bons, mas não como algo profundo!
      Obrigada por comentar!
      Beijos!

      Excluir
  6. Este livro não me chamou muito a atenção e achei que esta parte da resenha: "autora dá a impressão que não sabe criar personalidades diferentes para os seus personagens à medida que ela não mantem a característica principal do Woods" certamente contribuiu com o não colocamento deste livro na minha lista dos mais desejados. 3 estrelas não é algo muito agradável apesar de ser considerado bom. Adorei a resenha.
    Beijos!!!
    Bruno Valério
    reciclando.bruno@ig.com.br

    ResponderExcluir
  7. Estou querendo muito ler esse livro. Eu sou apaixonada pelo Woods, mas acho que não vou gostar muito dele estar parecido com o Rush, porque eu preferia o Woods do que o Rush. Amei saber que a Della não é irritante igual a Blaire. Ainda quero ler esse livro mesmo não sendo tudo o que eu esperava...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Ah sim, série Sem Limites. Antes eu achava que era o mesmo casal em todos os livros, mas agora vi que é um diferente em cada.
    Esse pareceu ser mais interessante que o anterior, pq a Della é mais forte, mas tbm frágil. É legal uma garota origina pra gente se identificar. Mas ainda asism, acho que não leria.
    Valeu pela resenha Ana! Achei justo 3 estrelas.

    ResponderExcluir
  9. Li Paixão e Tentação Sem Limites, mas não morri de amores por seus personagens infantis e birrentos. Bom, no segundo livro as coisas melhoram, esse povo amadureceu. Como gostei de Woods nos livros anteriores, quero mto ler este.

    ResponderExcluir
  10. Eu estou meio sei lá com esse livro, um momento quero ler e no outro ñ, por exemplo, agora não quero, pois parece uma história meio sem graça e tal, mas daqui a pouco acabo mudando de ideia.

    ResponderExcluir
  11. Foi um prazer enorme conhecer seu blog
    feliz eu também fiquei em deparar um uma moça tão linda
    Estou seguindo seu maravilhoso espaço um beijo enorme.
    Carinhosamente.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  12. E este livro está sendo um sucesso pela Arqueiro né. Eu não quis encarar pelo fato de que eu estou um pouco cansada do gênero e aí acabo perdendo alguns bons, mas ainda tenho vários para ler desta mesma categoria. O bom é que sempre pode estar disponível para leitura!

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  13. Oii
    Li a mesma coisa em outras resenhas, e isso pesa na leitura (não há jeito, é só para se divertir mesmo). Eu amei essa capa e estou curiosa para conhecer esses personagens, mesmo com esse "probleminha" com o Woods.Mas só vou lê-lo quando ler Paixão e Tentação sem limites.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Como eu já disse em outro comentário anterior, não pretendo continuar com a série, nem com nada que a autora escreveu. Assim, também acho que os livros que ela escreve super fluem, mas várias coisas me irritaram... então, essa leitura eu passo.

    ResponderExcluir
  15. Não faz meu gênero, mas admiro quem consegue viajar por todos os estilos literários, ainda mais com tanta opção que tem por aí! Ainda bem que é algo bem democrático e tem pra agradar todo mundo!

    ResponderExcluir
  16. Gostei bastante da sua resenha, Ana, mas não leria o livro. Não gosto da escrita da autora e o gênero da obra não me agrada. Não sei, esse tipo de livro não vinga comigo.
    Mas certamente deve ter suas qualidades, já que tanta gente gosta.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de agosto

    ResponderExcluir

Obrigada por lerem! Comentem e deixem seus blogs, vou visitar com toda certeza, e voltem sempre.

Design e Ilustrações por Ilustranos ♥ Desenvolvimento por Moonly Design