10 março 2014

Resenha: Para Sempre - Kim e Krickitt Carpenter


Editora: Novo Conceito
Autor(a): Kim e Krickitt Carpenter
Título Original: The vow
Páginas: 144
Skoob  / Comprar


A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido.
Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.



 Para Sempre é um daqueles livros que estavam na minha estante à tempo demais e estou numa meta de ler mais livros que já comprei e pensei em fazer isso com esse, pelo seu tamanho. Me emocionei demais com sua leitura apesar de tê-lo comparado com um dos meus filmes favoritos: “ Como se fosse a primeira vez.”

O livro conta a história de um casal que realmente existe, Kim e Krickitt Carpenter ,um casal que se conhece e se apaixona de uma forma diferente; ele era treinador e ela era vendedora em uma loja de artigos. Ele se apaixona pela voz dela e eles começam a sair e conversar, e quando veem estão casados. Felizes, eles resolvem passar o feriado de Ação de Graças na casa da família dela e no meio do caminho, eles sofrem um acidente: Kim não se fere tanto comparado a Krickitt que sofre sérias lesões na cabeça. E com isso ela esquece de toda a história de amor deles.


“Alguns meses após o nosso casamento, a mulher que eu amava aparentemente me odiava. E aquilo estraçalhava meu coração.”

De uns tempos pra cá, eu aprendi a gosta de livros não-ficcionais. Saber que eles são reais tem uma enorme influência na minha forma de perceber e me emocionar com o livro, e este fato afetou muito minha leitura.
Kim é um homem muito real e apaixonado, aquele tipo de homem que toda mulher se apaixonaria e que qualquer garota gostaria de ter. Ele é o narrador deste livro e provavelmente, o seu autor. E a forma como ele vê os fatos muitas vezes me fez ter uma visão errada da Krickitt. Ele é um homem apaixonado e vê sua amada com uma perfeição incrível, mas acima de tudo é muito importante vermos a forma que ele muda sua forma de vê-la, embora não mude o sentimento.


“ O que havia naquela pessoa chamada Krickitt que, de repente, fizera com que eu me sentisse como um adolescente nervoso e apaixonado?”

Krickitt foi uma personagem que quis saber mais, às vezes conhece-la  apenas pelo olhar de Kim foi frustrante. Queria saber o que se passava na sua mente, o que ela pensava e sentia. Vê-la passar por tudo que passou,doeu.

Muitas pessoas não gostam dessa obra pela narrativa. Admito que em alguns momentos, o livro me cansou e demorou a fluir, em outros eu lia como se não houvesse mais nada a fazer. Devemos ter em mente que Kim não é um autor, seu objetivo nunca foi criar uma história que nos levaria lágrimas, ele queria apenas compartilhar no mundo sua fé e de certa forma, vitória. Claro que falta ao livro aquele lirismo que amamos, aquela doce combinação de palavras, mas apesar de tudo isso, o livro emociona.


“ A vida não é justa;é apenas a vida.”

A Editora Novo Conceito foi feliz com a fonte e as folhas amareladas e por preservar a obra na tradução.E eu amei a diferença de fonte no início de cada capítulo.

Quanto ao filme, eu ainda não tive o prazer de ver, mas quero muito. Embora saiba que muitas alterações ocorreram, eu quero ver.

O livro me emocionou, mas não jorrou lágrimas de meus olhos. A história de fé, amor, devoção e superação é tão linda e obviamente real que eu só posso dizer que um dia quero o amor de Para Sempre.


“Havia algo diferente e especial naquela voz e na personalidade dela que eu não conseguia realmente explicar.”

Se interessou pelo livro?? Esse é um dos prêmios da promoção:  Carnaval Literário. Participe!!!

7 comentários:

  1. Eu queria muito ver o filme, mas quero ler o livro antes.
    Gosto muito dos atores...
    Achei a estória muito linda, romântica e com um drama na medida certa.
    Amor dura para sempre...
    E espero um final feliz :)

    ResponderExcluir
  2. Acredite ou não eu ainda não tive tempo pra ver e pra ler :( triste, mas ok. Adorei a resenha, realmente é complicado quando um personagem perde a memória e outro vai falar sobre, nós nunca saberemos como ele realmente é ou sente. Ter só uma visão complica um pouco

    ResponderExcluir
  3. Primeira resenha que vejo dele! Ganhei ele numa promo e estava meio assim com o enredo. Essa história me lembra definitivamente "Como se fosse a primeira vez". Também acho que se fosse as duas visões - dela, principalmente - seria mais bacana. Vamos ver o que eu vou achar quando o ler.

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana...Ainda não l i este livro mas já esta na minha lista de desejados, acabei vendo este filme sem saber que tinha um livro,mas de qualquer forma vou querer ler esta historia de amor e superação!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  5. Oi, eu ainda não li ao livro, e também não vi ao filme, mas estou interessada em conhecer a historia, não sabia que o livro contava uma historia real, e é bem interessante saber que foi o próprio Kim que escreveu o livor com sua mulher né, pelo visto, mas enfim, é uma pena que não possamos saber o ponto de vista da Krickitt.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  6. Já vi muitas pessoas falando mal desse livro, mas pela sua resenha reparei que ele é muito comovente. Me lembrou um pouco o filme como se fosse a primeira vez, como você citou.

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tive a oportunidade de ler o livro apesar de ter na biblioteca de minha escola todos que leem fala que ´e um narrativa muito boa e leve para si ler...
    Mais pretendo ler este ano si for possível!!!

    ResponderExcluir

Obrigada por lerem! Comentem e deixem seus blogs, vou visitar com toda certeza, e voltem sempre.

Design e Ilustrações por Ilustranos ♥ Desenvolvimento por Moonly Design