27 junho 2013

Resenha: Água para elefantes - Sara Gruen



Editora: Sextante
Autor(a): Sara Gruen
Título Original: Water for Elephants
Páginas: 272



Desde que perdeu sua esposa, Jacob Jankowski vive numa casa de repouso, cercado por senhoras simpáticas, enfermeiras solícitas e fantasmas do passado. Por 70 anos Jacob guardou um segredo. Ele nunca falou a ninguém sobre os anos de sua juventude em que trabalhou no circo. Até agora.Aos 23 anos, Jacob era um estudante de veterinária. Mas sua sorte muda quando seus pais morrem num acidente de carro. Órfão, sem dinheiro e sem ter para onde ir, ele deixa a faculdade antes de prestar os exames finais e acaba pulando em um trem em movimento - o Esquadrão Voador do circo Irmãos Benzini, o Maior Espetáculo da Terra.Admitido para cuidar dos animais, Jacob sofrerá nas mãos do Tio Al, o empresário tirano do circo, e de August, o ora encantador, ora intratável chefe do setor dos animais.É também sob as lonas dos Irmãos Benzini que Jacob vai se apaixonar duas vezes: primeiro por Marlena, a bela estrela do número dos cavalos e esposa de August, e depois por Rosie, a elefanta aparentemente estúpida que deveria ser a salvação do circo."Água para Elefantes" é tão envolvente que seus personagens continuam vivos muito depois de termos virado a última página. Sara Gruen nos transporta a um mundo misterioso e encantador, construído com tamanha riqueza de detalhes que é quase possível respirar sua atmosfera.




Este livro, assim como On the road do Jack Kerouac, foi uma das boas influências da Saga Crepúsculo em minha vida.O li pois o Robert Pattinson, ator que interpreta Edward Cullen nos cinemas, iria fazer este filme e eu queria conhecer a história antes.

O livro conta a estória de Jacob, um homem que desiste da faculdade de veterinária e embarca em um circo ambulante, e lá ele se apaixona pela mulher do tratador, Marlena,  e pela meiga elefanta, Rosie.

O livro tem umas das características mais fascinantes que possa existir, o fato de o protagonista, já idoso em um asilo, contar sua história. Poucos livros que eu li e conheço tem essa característica que ao meu ver é fascinante.

E em meio a velhas loucas, ele sendo um homem lúcido, ele vê  próximo ao seu asilo chegar um circo e ele logo, em meio a lembranças e nostalgias, deseja ingressar novamente nesse mundo.E dai se inicia realmente a estória.

Não costumo contar muitos das histórias, por isso eu vou aos pontos positivos direto.

Jacob é um personagem incrível, que mescla uma fusão de sentimentos que te guiam para uma melhor absorção da estória. Ele é apaixonado, meigo, belo, inocente, e é um dos meus protagonistas masculinos favoritos.

Marlena não foi uma personagem encantadora, embora bela, acredito que apesar de toda a situação que eles se encontravam, ela deveria ter lutado pelos seus sentimentos por Jacob. Não gostei dela, nem um pouco! Além de vermos ela como uma mulher perfeita pelos olhos apaixonados de Jacob.



"Embora haja ocasiões em que eu daria tudo para tê-la de volta, foi bom ela ter ido primeiro.Perdê-la foi como ter sido partido ao meio. Naquele momento tudo acabou para mim, e eu não gostaria que ela passasse por isso. Ser sobrevivente é uma droga." 


E então temos Rosie, a elefante mais inteligente e perfeita que existe, tornando-se uma das personagens mais importantes do livro.

Apesar de todos os bons personagens, enredos amarrados e todos os detalhes para um bom livro, o grande protagonista dessa história é a narração. Sara Gruen te guia por um mundo de cenas, e detalhes, realidade e veracidade que te faz apaixonar. Eu odiava circos até ler este livro, a narração junto as imagens, faz com que você navegue pelo circo dos Irmãos Benzini.

Com toda certeza, um dos meus livros favoritos!

A respeito da adaptação aos cinemas, ela me agradou apesar das mudanças, me transportou para essa leitura fascinante.





5 comentários:

  1. Oi Ana!!!
    Gostei muito da resenha!
    Eu já tinha lido outras resenhas desse livro, mas nada consegue me convencer da estória.
    Mas, quem sabe mais pra frente né?!
    Bjo

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana! Tudo bom querida?

    Não li esse livro ainda! OMG! Eu vi o filme e amei, mas não tive como realizar a leitura ainda. Eu até que gostei da Marlena no filme, vamos ver se no livro ela ganha minha simpatia! Haha mas nada se compara àquela coisa fofa da Rosie né? E no livro deve ser ainda melhor, com mais detalhes e o olhar de amor do protagonista para com ela! Quero na minha estante já!

    Beijokas
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Sempre que penso em ler esse livro acabo desistindo...
    sua resenha me fez ficar um tanto curiosa! HAUHA
    Ótima :D

    http://psicosedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu não li o livro mas vi o filme então é quase a mesma coisa e é lindo demais!

    Beijos

    Greice Negrini
    www.amigasemulheres.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Estou gostando muito da leitura desse livro... ganhei ele de presente de aniversario de um amigo, no começo achei meio que tipo assim "esse livro não vai ter nada de mais?"...
    E uma ótima leitura eu indico agora a todos ler o livro ainda não tive a oportunidade de assistir o filme mais pretendo velo o quanto antes para ver si e tao bom quanto o livro
    Apesar de achar que uma partes não precisa as que contem trechos de... mais de qualquer modo quem busca uma leitura prazerosa e com bastantes bobeiras
    So para constar acho o Tio All um idiota, uma cara ruim... Mais em fim gostei muito da leitura e amei a autora espero conhecer outras obras dela..

    ResponderExcluir

Obrigada por lerem! Comentem e deixem seus blogs, vou visitar com toda certeza, e voltem sempre.

Design e Ilustrações por Ilustranos ♥ Desenvolvimento por Moonly Design